prevencao de acidentes domesticos com criancas
Família

Prevenção de acidentes domésticos com crianças

Quando se trata de acidentes domésticos, nunca é demais ter cuidados. Confira dicas de prevenção de acidentes domésticos com crianças na Cleanipedia.

A nossa casa costuma ser o lugar em que nos sentimos mais seguros, mas é muito importante lembrar, especialmente para quem vive com crianças, que precauções para evitar acidentes domésticos nunca são demais e alguns cuidados simples podem até mesmo salvar vidas. Neste artigo você vai descobrir como tornar cada cômodo da casa mais seguro para evitar qualquer tipo de acidente doméstico com crianças. Confira!

Área de serviço: não deixe o ferro de passar ao alcance das crianças, mesmo que desligado. Evite também deixar roupas de molho em baldes para não correr riscos de intoxicação ou afogamento. Os produtos de limpeza devem ser guardados em suas embalagens originais, nunca em potes de comida ou refrigerantes, e mantidos longe do alcance dos pequenos.

Cozinha: cozinhe sempre com os cabos da panela virados para dentro do fogão e se desfaça de panelas com os cabos soltos. Certifique-se de que o forno e as bocas do fogão estão desligados quando não estiverem em uso. Mantenha as gavetas e os armários fechados e tenha cuidado especial com os objetos cortantes.

Uma cozinha limpa também é importante para evitar riscos de contaminação de alimentos. Limpe as superfícies com frequência, utilizando produtos como Cif, que removem a sujeira e a gordura de superfícies diversas.

Banheiro: mantenha o vaso sanitário fechado e não deixe as crianças sozinhas na banheira, já que mesmo poucos centímetros de água podem ser bastante perigosos. O acesso a água quente também pode resultar em queimaduras, então procure não deixar os menores sozinhos nesse cômodo.

Guarde os produtos de higiene fora do alcance, em um armário fechado.

 

Sala e quarto: dê preferencia a móveis com cantos arredondados e coloque cantoneiras para evitar batidas. Protetores de tomadas são essenciais para evitar choques, e fios elétricos não devem ficar soltos.

Evite encerar o chão e coloque antiderrapantes em seus tapetes para evitar escorregões.

Para que os pequenos não prendam os dedos nas portas, invista em protetores específicos.

Escadas: instale portões de segurança no topo e no pé das escadas e não dispense o uso de corrimões. Se a escada for aberta, opte por redes de proteção ao seu redor. Se possível, providencie também antiderrapantes.

Vale sempre lembrar as crianças que elas não devem brincar nas escadas e não deixar os menores de seis anos subirem ou descerem desacompanhados.

Janelas e sacadas: use redes protetoras e se possível, fechos de proteção que impeçam as crianças de abrirem as janelas ou portas de sacadas sozinhas. Evite também deixar móveis embaixo das janelas. Novamente, lembre as crianças que este não é um local adequado para brincadeiras.

Piscina: nunca deixe crianças desacompanhadas próximas a piscinas ou poços, independente do tamanho ser apropriado para elas.

Não dispense as boias de braço, mesmo quando as crianças estiverem apenas brincando ao redor da água. Se a piscina não estiver em uso, esvazie e coloque uma tela de proteção para que seu acesso seja restringido.

Outros cuidados

  • Nunca deixe bebidas alcóolicas ao alcance das crianças.
  • Compre brinquedos adequados à idade delas e fique atento a partes pequenas que podem ser engolidas.
  • Nunca deixe bebês sozinhos na cama, sofá ou banheira.
  • Não tome medicamentos na frente dos pequenos. Guarde os medicamentos longe do seu alcance e nunca associe remédios a balas e doces.
  • Leia atentamente o rótulo de qualquer produto.
  • Guarde sacos plásticos fora do alcance das crianças para evitar riscos de asfixia.
  • Instale detectores de fumaça, pelo menos um em cada piso da casa.

Para melhorar a prevenção de acidentes, crianças também podem ajudar. Instrua os mais velhos a cuidarem dos menores, explicando para eles todos os tipos de incidentes que podem ocorrer, assim os pequenos também se tornam mais responsáveis e cuidadosos na hora das brincadeiras.

Cleanipedia recomenda:


As crianças são as maiores vítimas dos acidentes domésticos. Deixar a sua casa mais segura é a melhor tática para proteger a sua família e prevenir quedas, queimaduras e intoxicações. Procure avaliar os pontos de risco da casa regularmente, principalmente após reformas e mudanças.

Lembre-se:


Manter a casa livre de bactérias, fungos e germes é fundamental para a boa saúde da sua família. Em áreas como o banheiro, por exemplo, não arrisque com soluções caseiras e aposte em desinfetantes eficientes e de ação prolongada, como o Vim.