Unilever

Dicas para desinfetar roupas íntimas e prevenir doenças

Se está preocupado com a sua saúde íntima e quer aprender um pouco mais sobre como esterilizar roupas íntimas, leia este artigo!

Atualizado

desinfetar roupas intimas

Bactérias em roupas íntimas é um assunto que requer nossa atenção e cuidado, pois quando não higienizadas corretamente tornam-se foco de milhares de micro-organismos capazes de causar infecções, seja urinária, intestinal, de pele ou outras – mesmo após a lavagem. Por isso, saber como lavar roupas íntimas é fundamental para a sua saúde e a dos membros de sua família.

Pensando nisso, preparamos este post cheio de dicas de lavagem e de como desinfetar roupas íntimas. Confira!

Para desinfetar roupas íntimas é recomendado utilizar na lavagem um sabão bactericida como Brilhante Higiene Total, que elimina 88,9% das bactérias e germes e bloqueia o mau odor das roupas.

Para desinfetar roupas íntimas é recomendado utilizar na lavagem um sabão bactericida como OMO Antibac , que elimina 99,9% das bactérias e germes, deixando suas peças completamente esterilizadas.

Devido ao novo estilo de vida durante a pandemia, você encontrou novos tipos de manchas nas roupas?

Como esterilizar roupas íntimas: cuidados essenciais

O primeiro cuidado que você deve tomar na hora de lavar as suas roupas íntimas é evitar misturá-las com outras peças para não haver contaminação. Vale lembrar também que as calcinhas e cuecas de cada pessoa devem ser lavadas separadamente. Isso porque, caso alguém esteja doente, o problema não será transmitido para outros membros da família. Além do mais, bactérias que são assintomáticas em algumas pessoas, podem não ser em outras.

Depois de separadas, selecione quais peças vão para a máquina e quais serão lavadas à mão. Na dúvida, consulte a etiqueta. De modo geral, não é recomendado levar à máquina peças com detalhes (pingentes, fivelas), de renda e sutiãs com aro, já que são muito delicadas e podem estragar.

O sabão usado na lavagem também é fundamental para desinfetar roupas íntimas corretamente. Dê preferência a produtos bactericidas. Lembre-se sempre de seguir as instruções do fabricante do produto ao usá-lo.

Como lavar roupas íntimas corretamente

Se as peças puderem ir à máquina, basta lavar como de costume utilizando um sabão antibacteriano. Se a lavagem à máquina não for recomendada, siga o passo a passo abaixo para lavar roupas íntimas à mão:

  1. Deixe as peças de molho em água e desinfetante de roupas por aproximadamente 60 minutos;

  2. Enxague em água corrente, esfregando-as durante o processo;

  3. Antes de secar, certifique-se de que não há resíduo de sabão na roupa, pois qualquer resquício remanescente pode causar irritações na pele.

Práticas comuns como lavar roupas íntimas no chuveiro durante o banho não são recomendadas. Além de danificarem o tecido, não eliminam bactérias e favorecem o acúmulo de fungos se forem deixadas para secar em um ambiente úmido como o banheiro.

Ambientes úmidos e escuros são um prato cheio para a proliferação de fungos e bactérias, portanto é aconselhável colocar sachês ou saquinhos antimofo nas gavetas destinadas às roupas íntimas.

Como desinfetar roupas íntimas: secar e passar

Dê uma leve torcida para tirar o excesso de água e estenda as peças no varal, preferencialmente sob o sol e em um local bem arejado.

Depois de secas, passe-as dando atenção especial para a parte de algodão que fica diretamente em contato com as partes íntimas. Usar o ferro bem quente ajudará na esterilização. Para evitar danos à peça, lembre-se de consultar os símbolos de lavagem na etiqueta para verificar a temperatura máxima recomendada.

Saber como desinfetar roupas íntimas é essencial para evitar doenças, por isso os procedimentos acima devem ser aplicados tanto para roupas usadas, como para as peças novas.

Como lavar roupa íntima com mau cheiro

Mesmo depois da lavagem, alguns fungos e bactérias podem deixar um cheiro desagradável em roupas íntimas. A boa notícia é que você encontra em sua cozinha dois produtos que resolvem o problema, o bicarbonato de sódio e o vinagre! Veja como utilizá-los corretamente:

Bicarbonato de sódio

  1. Separe as roupas por cor e tipo de tecido;

  2. Coloque a peças íntimas em um balde, adicione água suficiente para cobri-las e acrescente duas colheres de sopa de bicarbonato de sódio;

  3. Deixe a roupa de molho de um dia para o outro e lave normalmente.

Vinagre

  1. Em um balde, coloque água suficiente para cobrir as peças;

  2. Adicione ½ copo de vinagre para cada 5 litros de água;

  3. Deixe a roupa de molho entre 30 minutos e 2 horas;

  4. Enxague e lave como de costume.

Como tirar as manchas das roupas íntimas

Você já deve estar cansado de saber que o limão e o vinagre de maçã são ótimos aliados da limpeza. Ao juntar os dois componentes, temos uma solução altamente eficaz. Isso porque unimos a ação clareadora do suco de limão com os ácidos presentes no vinagre, tornando a composição perfeita para eliminar manchas.

Juntando estes dois componentes com o seu sabão líquido preferido, você produz o seu próprio removedor de manchas. Confira como elaborá-lo e utilizá-lo:

  1. Misture 250 ml de vinagre de maçã, 100 ml de suco de limão e 100 ml de sabão líquido;

  2. Aplique o composto sobre a mancha e deixe agir por cerca de 30 minutos;

  3. Lave a peça normalmente e deixe sacar ao sol;

  4. Se a mancha não sair de primeira, repita o procedimento. Caso a mancha seja insistente, deixe a roupa intima de molho por 2 horas em água quente.

Uma dica para evitar que as manchas apareçam é sempre colocar essa solução em um dos compartimentos de sabão da máquina de lavar antes do ciclo de lavagem.

Como armazenar as roupas íntimas do jeito certo

Sabe aquela dica de lavar as peças separadamente para evitar a disseminação de bactérias em roupas íntimas? Essa técnica também vale na hora de guardá-las. Manter uma gaveta exclusiva para calcinhas, sutiãs e biquínis também evita a contaminação cruzada, além de ser muito mais higiênico.

Por fim, não é recomendado colocar muitas peças em uma só gaveta, enchê-la prejudicará a circulação do ar, tornando o local mais úmido, o que favorece a propagação de fungos e bactérias. Uma boa ideia é colocar as peças dentro de saquinhos de TNT ou de linho, assim ficarão sempre protegidas. De nada servirá saber como esterilizar roupas íntimas se você não tomar os devidos cuidados na hora de colocá-las no guarda-roupa.

Para deixar a gaveta com cheirinho agradável, você pode fazer uso de sachês aromáticos. Apesar de não terem ação antimofo, não há nenhuma contraindicação e são simples de fazer. Confira!

  1. Em um refratário, adicione 500 gramas de sagu e misture com 9 ml da sua essência preferida;

  2. Adicione 1 ml de liquido fixador (encontrado em lojas de artesanato) e mexa bem, garantindo que espalhe por todas as bolinhas;

  3. Coloque a mistura dentro de um saco plástico com fechamento Zip Lock e mantenha vedado por 24 horas;

  4. No dia seguinte, separe em saquinhos de tecido com laços para fechar.

Ambientes úmidos e escuros são um prato cheio para a proliferação de fungos e bactérias, portanto é aconselhável colocar sachês ou saquinhos antimofo nas gavetas destinadas às roupas íntimas.

Agora que você já sabe como desinfetar calcinhas e como lavar roupas íntimas da forma correta, aplique esses métodos e precauções na sua rotina diária para garantir o bem-estar de sua família. Porém, mesmo utilizando todas as nossas dicas, nada de continuar usando aquela peça comprada há anos atrás. O ideal é renovar as roupas íntimas a cada 6 meses, pois com o tempo elas deixam de ser eficazes na proteção das partes íntimas.

Agora que você já sabe como deixar fungos e bactérias longe de suas roupas íntimas, permita que pessoas queridas façam o mesmo! Compartilhe em suas redes sociais!

Publicado originalmente