Vinagre na limpeza: veja onde não usar!

Descubra onde não usar o vinagre na limpeza e aprenda a conservar seus móveis e utensílios domésticos

Atualizado

Frasco marrom e frasco com borrifador verde e um como pequeno com líquido transparente e uma colher e um pano amarelo sobre fundo branco 

Os brasileiros costumam fazer inúmeras misturinhas na hora da limpeza. A prática, apesar de parecer mais econômica, às vezes não é eficaz e pode estragar as superfícies ou até fazer mal à saúde.

O vinagre, especialmente o branco, é um desses produtos que são muito utlizados na faxina da casa. Nós, inclusive, já demos algumas sugestões de como usar esse item para ajudar na remoção da sujeira.

No entanto, o uso do vinagre na limpeza requer cuidados. Se ele for aplicado de maneira errada, pode provocar alguns estragos em certos materiais. Confira!

O vinagre não deve ser encarado como um substituto do sabão, detergente e outros produtos de limpeza feitos em laboratório. Essa substância só deve ser usada para auxiliar o dia a dia da faxina.

Vinagre a limpeza: onde não usar

  • Piso de porcelanato - Limpar piso de porcelanato é simples, no entanto, usar vinagre na higienização desse revestimento não é aconselhável porque a substância pode danificar o material e deixar manchas que não saem nunca mais. Além do vinagre, não use produtos abrasivos ou ácidos e evite o uso de esponjas de aço, sapólio em pó, pedra-pomes na hora de limpar o porcelanato.
  • Panelas de alumínio e ferro fundido - Para limpar panelas e utensílios de alumínio e ferro fundido, o vinagre também não é a melhor opção, pois essas são superfícies reativas à acidez dele. Sempre prefira produtos específicos para lavar a louça e, caso precise usar o vinagre para remover limo ou manchas de sabão, use apenas em produtos de aço inox ou ferro esmaltado.
  • Plantas e folhagens - O vinagre até é considerado um bom tipo de inseticida, capaz de manter insetos e micro-organismos bem longe. No entanto, ele não deve ser aplicado diretamente nas folhas de plantas infestadas, pois elas podem acabar sendo danificadas.
  • Em superfícies sujas com restos de ovos - Restos de ovos de qualquer superfície não devem ser limpos com vinagre. Sua acidez fará com que as proteínas do ovo sejam coaguladas, gerando uma substância viscosa ainda mais difícil de ser retirada.
  • Em soluções com água sanitária - Decore esse mantra: água sanitária e vinagre não podem ser misturados! A água sanitária tem grande poder oxidante, ou seja, ela é corrosiva. E o vinagre pode ajudar em diversas situações de limpeza, mas acrescentar um produto ácido como ele a um altamente alcalino como a água sanitária resultará em gás de cloro, que é tóxico. Essa mistura pode causar efeitos asfixiantes e fazer muito mal à saúde.
  • Madeira com cera ou verniz - O vinagre também não é adequado para revestimentos envernizados e encerados, pois ele pode danificar a textura desses acabamentos. Em vez de limpar efetivamente, o vinagre aplicado sobre a superfície irá somente remover o brilho da cera e do verniz. De modo que o produto só deve ser usado se a ideia for realmente remover a camada brilhosa. Nesse tipo de revestimento, o ideal é apenas retirar o pó com um pano seco e macio.
  • Mármore - Em pias, pisos e bancadas de mármore, o vinagre não é indicado, porque pode desgastar pedra, gerando manchas. Isso acontece porque o ácido acético do vinagre reage com o calcário do mármore (uma substância rica em carbonato de cálcio) e corrói o mármore, que é poroso. Uma dica de como limpar mármore é fazer uma mistura com 2 litros de água e 10 gotas de detergente neutro. Umedeça um pano limpo nessa solução e passe em toda a superfície. Por fim, seque com pano limpo.

Quando usar vinagre na limpeza?

É possível fazer limpeza com vinagre. Mas é importante entender que essa substância é indicada para trabalhos pequenos e específicos, para os quais produtos de limpeza não existem ou contêm ingredientes químicos que não são ecológicos ou seguros para uma casa com crianças pequenas. Confira duas dicas.

  • O vinagre é uma boa opção para remover mau cheiro do micro-ondas. Para isso, encha uma tigela com meia xícara de vinagre branco e meia xícara de água e coloque no micro-ondas até começar a ferver (2 a 3 minutos). Cuidado na hora de usar este método porque tanto o líquido quanto a tigela estarão quentes, então espere a tigela esfriar antes de removê-la do micro-ondas.

  • O vinagre também é indicado para remover limo na chaleira. Para isso, ferva uma solução de vinagre diluído na chaleira e deixe agir da noite para o dia para dissolver os focos de limo dentro dela. Enxague bem a chaleira com água fria antes de usar para remover qualquer resto de limo.

Publicado originalmente