Orange backdrop, with an assortment of women's folded clothes and accessories
sustentabilidade

Deixe a moda mais sustentável com a reciclagem de roupas

A reciclagem de roupas é uma forma de dar aos novos trajes uma nova vida. Continue lendo para descobrir por que a reciclagem de roupas é uma ótima ideia e dicas de como fazer isso.

Por que a reciclagem de roupas?

  1. Jogar roupas fora também é jogar fora os recursos usados para fazê-las.
  2. A reciclagem reduz a energia usada no gerenciamento de resíduos.
  3. Os processos usados ​​na produção de roupas têm um custo ambiental, pois esses processos poluem a água, o solo e o ar.
  4. Vestir uma peça de vestuário 50 vezes em vez de 5 reduz as emissões de carbono em 400% por ano.
     

A reciclagem de roupas significa que podem ser reutilizadas de forma criativa. Do cultivo, ao tingimento de tecidos e fabricação de fibras sintéticas, os fabricantes de roupas usam pesticidas, ácidos e produtos químicos tóxicos para produzir as roupas que usamos. A indústria da moda é o segundo maior poluidor na Terra depois do petróleo, e os resíduos têxteis podem eventualmente competir com o plástico pela poluição nos oceanos.
 

Você sabia que: Somente os americanos jogam fora quase 13 milhões de toneladas de roupas por ano - mais de 36 kg para cada pessoa no país. Através da reciclagem, os outros obtêm os benefícios de usar roupas que de outra forma seriam jogadas fora. Manter essas roupas fora do aterro - ou evitar de serem queimadas - é bom para o meio ambiente e traz benefícios para todos.

Doação:

Muitas instituições beneficentes usam roupas usadas para dar aos necessitados ou vendê-las para arrecadar dinheiro para projetos como educação e moradia em comunidades pobres.

Encontre uma instituição de caridade que faça reciclagem de roupas. Antes de doar, verifique se:

  • A roupa está limpa e cheira a fresco.
  • Quaisquer manchas ou odores foram tratados.
  • O item está em boas condições e pronto para ser usado.
  • Quaisquer buracos ou rasgos foram reparados.
  • Cintos e todas as partes removíveis, como capuzes, estão conectados.
  • Botões faltando ou zíperes quebrados foram substituídos.
  • Todos os bolsos estão vazios.
  • O ferro só é usado quando necessário.
  • Existem bolsas ou acessórios que você pode adicionar.
     

A reutilização é melhor do que a reciclagem, mas, se você tiver roupas que não sejam adequadas para uso, repare-as como panos para limpeza doméstica ou doe-as a um reciclador têxtil.

Comprar moda reciclada

Esta é uma escolha muito sustentável e ética. Roupas usadas de alta qualidade podem ser classificadas como vintage, mas com a ascensão da ‘fast fashion’ e do varejo on-line, os consumidores estão comprando cada vez mais roupas baratas - os americanos compram mais de cinco vezes a quantidade de roupas compradas em 1980. Globalmente, um item de fast fashion é usado apenas 5 vezes em média. 

Ao comprar roupas usadas:

  • Procure por manchas ou odores, especialmente nos punhos, nos braços e na frente.
  • Verifique se todos os botões estão no lugar e se o zíper funciona.
  • Veja se há desgaste, principalmente de costuras, punhos e decote.
  • Inspecione a etiqueta para garantir que a peça seja feita de um tecido que você gosta.
  • Verifique as etiquetas quanto ao tamanho, mas também experimente a peça. Use uma camada apertada sobre a qual você possa escorregar a roupa.
  • Veja se há buracos, sinais de traças e outros danos.
  • Converse com a equipe para descobrir quando chegam novas entregas e os melhores horários para fazer compras.
  • Seja paciente - esse grande achado pode exigir algumas visitas.
     

Quando chegar em casa, lave a roupa de acordo com as instruções de cuidados. Em caso de dúvida, lave à máquina em um ciclo frio e delicado ou lave à mão.

Revisão do guarda-roupa DIY

Seja criativo e se divirta com a reestilização para dar às suas roupas um update interessante e mais longevidade ao seu guarda-roupa. Experimente com:

  • Botões: Mude a cor e o material para uma aparência diferente.
  • Manga:  Corte-as em comprimento ¾, o cotovelo ou ombro - depois a bainha - para uma nova silhueta. Você também pode adicionar mangas em tecidos contrastantes para um resultado individual.
  • Cortes: Acrescente renda a mangas ou bainhas ou tecido de ponta com fita de veludo ou pele falsa. Bolhas, pérolas falsas ou strass podem dar brilho a um decote.
  • Golas e punhos: Anexe tecido contrastante, lantejoulas ou miçangas.
  • Camisetas: Corte as mangas ou retrabalhe os decotes para atualizar sua aparência. Corte as costuras para inserir painéis em um tecido diferente.
  • Remendos: Corte uma peça de vestuário que você não usa mais e faça remendos que podem ser costurados em jeans, macacões ou camisas.
  • Franjas: Cole ou costure um vestido ou uma jaqueta para aumentar o movimento e o reflexo. .
  • Calças jeans e calças de treino:  Ajuste os comprimentos das pernas na panturrilha, joelho ou coxa.
  • Saias: Mude o comprimento ou adicione alças para fazer um vestido deslizante.
  • Appliqué: Use esta técnica de bordar tecido em roupas para uma variedade de efeitos.

Dica principal:

Com um pouco de criatividade, estenda a vida útil das roupas. Adicione um acabamento contrastante, ajuste o comprimento da luva ou costure os botões brilhantes para dar uma aparência mais nova às roupas.