Dicas essenciais de como limpar instrumentos musicais

Saber como limpar instrumentos musicais é tão importante quanto tocá-los bem. Aprenda a limpar guitarra, violão e piano na Cleanipedia.

Atualizado

Para todo apaixonado por música, saber como limpar instrumentos musicais é tão importante quanto tocá-los bem. É por meio de uma limpeza e manutenção frequentes que você pode garantir que seus instrumentos continuem funcionando durante anos. Por isso, selecionamos aqui algumas dicas essenciais para você que quer limpar guitarra e piano maneira eficiente, sem correr o risco de danificá-los.

Vale ressaltar que você nunca deve utilizar solventes ou produtos abrasivos diretamente nos instrumentos. Leia sempre as instruções no rótulo de todo produto de limpeza, e teste cada método novo em um canto discreto para garantir que você não vai estragar o material. Lavar as mãos antes de tocar o instrumento é outra dica simples, mas que pode ajudar bastante a mantê-lo bem conservado.

Uma rotina de limpeza frequente é fundamental para conservar o seu instrumento musical em boas condições de uso. Por isso, mesmo que ele não esteja sendo utilizado, dedique alguns minutos para retirar a poeira com uma flanela macia, umedecendo um pouco o pano com água para remover as sujeiras mais resistentes.

Como limpar guitarra ou violão

Aprender como limpar um violão ou guitarra é bastante importante, já que as mesmas técnicas podem ser empregadas na manutenção de outros instrumentos de corda como contrabaixos, violinos e violas. Confira a seguir alguns truques:

  • Para limpar o corpo do instrumento, passe uma flanela seca pela madeira, sem fazer muita força para não riscar a superfície. Se necessário, umedeça a flanela na água fria para retirar as poeiras mais resistentes. Nunca encharque o pano demais para não correr o risco de molhar a madeira.
  • Se a sujeira estiver muito impregnada, você pode utilizar cremes e sprays específicos que podem ser encontrados em lojas de instrumentos musicais. Verifique se o produto é compatível à madeira do seu instrumento, e siga as recomendações de uso no rótulo.
  • Em seguida, passe um pano seco nas cordas para retirar os resquícios de suor ou impressões digitais após o uso. Existem vários polidores com lubrificantes para cordas disponíveis no mercado que podem ajudar você a limpá-las.
  • Passe uma flanela no braço, embaixo das cordas. Se as cordas estiverem muito grudadas ao braço, utilize um pincel ou um cotonete para alcançar os cantos mais difíceis.
  • Por último, limpe as tarraxas e os outros componentes, também com um pano seco ou algum produto específico.
  • Outra opção é utilizar álcool isopropílico para remover os resquícios de suor, cera e poluição do instrumento, além de eliminar possíveis mal cheiros. Como sua fórmula evapora muito rapidamente, ele não deixará o material úmido.
  • A parte interna do instrumento também pode acumular muita poeira ao longo do tempo, mas ela só poderá ser limpa quando você trocar as cordas. Por isso, não perca a oportunidade e limpe a parte interna sempre que substituir ou retirar as cordas.
  • Se você utilizar algum produto específico para limpar violão, tome cuidado para não deixar nenhum resquício que possa danificar a peça.
  • Para uma limpeza mais profunda e que envolva desmontar o instrumento, é recomendado procurar um luthier.

Como limpar piano

Cuidar de um piano pode ser mais fácil do que você imagina. Entre os cuidados que você precisa tomar estão:

  • Remova a poeira com um espanador ou pano macio.
  • Se a madeira do seu piano é envernizada ou laqueada, aplique uma camada fina de lustra móveis.
  • Se o acabamento é de poliéster, passe apenas um pano seco.
  • Nas teclas, sejam elas de plástico ou marfim, utilize um pano seco para retirar a poeira e a gordura.
  • Se elas estiverem manchadas, passe um pano úmido com um pouco de bicarbonato de sódio, tomando muito cuidado para que o pó não caia entre as teclas.
  • Para limpar os pedais, umedeça um pano macio na água com detergente neutro, torça bem, e passe sem molhar demais.
  • Pelo menos uma vez ao ano procure um profissional para afinar o piano.
  • Evite colocar objetos sobre o piano, e mantenha-o longe de fontes de calor.
  • A umidade também pode ser um problema. Por isso, mantenha o piano em um local da casa em que as partes metálicas não vão correr risco de oxidação.
O calor e a umidade podem ser grandes vilões na hora de conservar um instrumento musical. Por isso, invista em cases e suportes adequados, e mantenha seus instrumentos protegidos do sol em todos os momentos. Evite também guardá-los próximos a paredes úmidas ou dentro de guarda-roupas ou porões com pouca circulação de ar.

Publicado originalmente